A Dádiva dos Deuses – Parte 2

A maioria dos humanos usa a própria sexualidade de uma maneira que degenera mais do que regenera. Há muito tempo, a Deusa encontrava-se tão harmonizada com as forças da natureza que criava ordens vibratórias das quais essas forças da natureza se alimentavam. Lembrem-se: todas as coisas estão engrenadas – nada está isolado e tudo está ligado a tudo. O que fazem aqui, hoje, afeta todo o globo.

 

Vocês herdam o projeto original de cada pessoa com a qual fazem sexo, de modo que tem não apenas o próprio projeto para lidar, mas também o do outro. Quando o seu corpo se encontra com o corpo de outra pessoa, os seus chakras são avivados e sua kundalini e tocada. Se a kundalini é tocada apenas nos dois chakras inferiores e não há uma infusão pelo corpo todo, vocês podem se “pendurar” no campo áurico da outra pessoa e ela se “pendurar” no seu campo áurico. É por isso que é muito importante ser seletivo em relação às pessoas com quem farão sexo. Se forem fazê-lo, certifiquem-se de que existe algum tipo de ligação e compromisso e de que vocês planejam que as coisas dêem certo, porque, nestes dias de tempo e energia acelerados, vocês podem assumir tudo de outra pessoa.

 

Aconselhamos vocês a limparem todos os velhos apegos de seus corpos. Vejam os seus corpos limpos e abençoados e toda a energia sexual de ligações anteriores liberada. Façam todo o possível para liberarem amorosamente todas as ligações sexuais anteriores mantidas em suas vidas. Parem de falar sobre o passado e de energizar antigos parceiros. Libertem-se disso. Se ficarem falando de pessoas com as quais estiveram envolvidas anos atrás, vocês continuam energizando as formas-pensamento delas no campo áurico de vocês, especialmente se tiveram ligação sexual com elas. Isso impede que experimentem um novo agora.

 

Esse estado é algo semelhante a uma possessão, na qual vocês usam um imã para atrair a energia dessas pessoas, mesmo que não tenham mais contato com elas há vinte anos. Vocês andam em círculos na energia delas. Elas talvez nem sejam nada daquilo de que se lembram, mas vocês recriam suas experiências com elas. Estes são tempos muito enganosos. Vinte anos atrás as coisas eram nostálgicas. Vocês andavam de carro com o rádio ligado – tardes de domingo passeando, tomando coca-cola ou embebedando-se, indo à praia, andando por aí. A vida era apenas uma via rápida, uma grande festa. As coisas mudaram. Vocês tinham, então, tempo livre para sonhar e fantasiar. Havia um imenso espaço entre o tempo em que se pensava em alguma coisa e aquele em que, finalmente, ela acontecia. Levava eons para as pessoas conseguirem o que queriam manifestar. Agora não é mais assim. Agora, sempre que pensam em alguma coisa, vocês se chocam contra ela ao cruzarem o aposento. Ela vem a vocês com essa rapidez. Sejam seletivos. Tenham respeito por essa cápsula de tempo em que se encontram. Há um colapso de tempo e uma mudança na maneira pela qual cada pessoa enxergará a realidade.

 

Quando vocês usam um lenço de papel, vocês o pegam, assoam o nariz e o jogam fora. As pessoas não são assim. O processo não é tão suave nem tão rápido. Sempre que vocês têm relações sexuais com uma pessoa, ficam ligados a ela. Quando dois corpos se juntam, mesmo que seja por uma noite, há uma fusão de seus campos áuricos. Talvez vocês não tenham entendido isso até agora.

 

O sexo é maravilhoso. É absolutamente uma das dádivas mais gloriosas que vocês têm, como seres humanos, para descobrir a própria identidade. Porém, precisam aprender a usa-lo. Ninguém os educou nas ramificações do elo energético proveniente da relação sexual. Vocês podem querer realizar algumas cerimônias ou rituais com a intenção de livrar o seu campo áurico da energia das pessoas. A fumigação é um bom ritual para a limpeza do campo áurico. Todas as igrejas o usam. Muitas instituições empregam incenso ou fumaça de algum tipo para limpar energias. A fumaça é multidimensional. Quando você faz fumigações, indica que está dando um passo para limpar, clarear e liberar a energia, de modo que não haja apegos. Vocês podem querer fumigar os seus corpos e as suas casas.

 

Quando se desligam das pessoas, precisam investir energia neste processo, da mesma maneira que investiram para se unir. Não podem realizar a rotina do lenço de papel e atira-las para longe. Precisa haver um final. Como fazer isso? Vocês trabalham com a energia da pessoa no nível etérico. Com amor, vocês a abençoam, a liberam e lhe pedem para sair de seu campo, agradecendo-lhe pelas lições que compartilharam.

 

É uma coisa mais intensa fazer sexo hoje em dia, caso não tenham notado. E se não estão fazendo sexo, provavelmente é um estágio apropriado do seu próprio desenvolvimento. Porém, se não fazem sexo há muito, muito tempo, diríamos a vocês: “Do que estão se escondendo e quais as crenças que têm a respeito de si mesmos que os fazem acreditar que não estão mais qualificados para fazer sexo? A experiência orgásmica envia energias de cura e rejuvenescimento para os seus corpos. Muitas vezes pode causar uma intensa liberação emocional e vocês são inundados de sentimentos.

 

O sistema endócrino libera todos os tipos de hormônios e substâncias químicas em seus corpos. Algumas dessas substâncias têm a finalidade de ser disseminadas, enquanto outras devem ser mantidas em seus corpos. Quando são mantidas no corpo, este as absorve e o corpo entra numa ordem superior. Vocês se tornam mais autônomos, mais conhecedores. Quando a força vital é conscientemente direcionada para fora, sob a forma de sêmen, é usada para fecundar. Da mesma forma que se vendeu às mulheres a idéia de que não podem evitar a gravidez, se não desejarem ter filhos, aos homens vendeu-se a idéia de que o processo de ejaculação é a única maneira de terem orgasmos. Este é um processo que pode ser retido, sendo os fluidos distribuídos pelo corpo. É uma forma superior de sexualidade, que vem sendo praticada a eons no oriente. Se os homens ejacularem todas as vezes que atingem o orgasmo, perdem a força vital numa versão da realidade.

 

Se você for homem, quando fizer sexo pode aprender a reter o esperma e não ejacular. Há certas técnicas para fazer isso. Pressionando o períneo, a pequena área entre o ânus e o escroto, a força vital dentro do corpo é retida e o orgasmo muda. Os humanos foram enganados e levados a ter orgasmos genitais, que são experiências localizadas e não experiências de corpo inteiro, cósmicas. Se pensarem em quantos corpos possuem, perceberão que podem experimentar o orgasmo em todos esses corpos. Assim, conforme reconsideram e redefinem o que lhes dá prazer, começam a experimentar diferentes maneiras de receber prazer e saem da área genital.

 

O esperma é uma força catalítica da existência e todas as vezes que um homem libera esperma, ele está, até certo ponto, exaurindo seu corpo. O ideal seria que o homem ejacula-se por escolha, quando houver necessidade de procriação ou o desejo da experiência. Vocês receberam idéias que os mantêm num estado vibratório muito baixo, que degenera em vez de rejuvenescer. Primeiro, infiltrou-se em vocês a idéia de que o sexo é mau. Depois, foram criadas instituições para perdoá-los por fazerem essas coisas ruins. Vocês possuem essa dualidade movendo-se para a frente e para trás. Muitos homens e mulheres, especialmente no mundo ocidental, não compreendem quão profundamente se encontram imbuídos da idéia de que o sexo é mau. Essa idéia se infiltra em todo o comportamento deles, de modo que fazem sexo apressadamente porque, se estão fazendo alguma coisa ruim, não querem ser apanhados.

 

Há um equilíbrio, onde vocês encontram o lugar certo. Vocês não sentem culpa nem vergonha, após o evento sexual. É por isso que dizemos que é essencial ter uma profunda ligação de amor com o parceiro. O amor que têm pelo parceiro impede, em geral, a ocorrência de culpa e vergonha. Sem amor, há freqüentemente muita culpa e vergonha, e o dano emocional pode ser grande.

 

Há muitas coisas a explorar na área genital do homem e da mulher. Os orifícios que possuem como aberturas possuem diferentes marcas ou pontos de acupuntura, que podem ser ativados. Isso tem muito pouco a ver com a penetração genital.

 

Pode também haver uma tremenda excitação quando um olha nos olhos do outro, trocando fitas de DNA. Esta é a conexão do coração para os olhos da alma – o coração da alma. Naturalmente, vocês podem fechar os olhos; porém uma grande quantidade de contato visual muda a experiência. Vocês podem também desejar trabalhar com os chakras, tocando especialmente o chakra do coração um do outro. Coloquem a mão sobre o chakra do coração de seu parceiro e mantenham o próprio coração aberto.

 

Conforme se estimulam com os olhos, usam os chakras e ativam os pontos de acupressão na área genital, esses locais tornam-se vivos. Quando vocês os tocam, há uma reação química que os leva a um orgasmo, que se move para fora, para todos os vários corpos que possuem. Isso lhes permite subir a escada para o conhecimento e chegar à própria divindade; significa também permitirem-se explorar um o corpo do outro – para serem completamente livres em relação à forma e expressão dos corpos. Essa é a próxima avenida.

 

Explorem quem vocês são, tencionem aquilo que buscam e façam do tempo em que expressam a própria sexualidade um tempo de alegria. Sexo não é sobre desempenho; é sobre a mais íntima ligação e compartilhamento que pode existir. Não é apenas sobre o “Nossa, você foi o máximo.” Sexo é sobre intimidade, fusão com o outro, enquanto ambos mantêm a própria soberania. É sobre apoiar e ser apoiado, porque isso será essencial ao manterem a própria soberania e redescobrirem o que são o prazer e a alegria. O corpo de vocês começará a relembrar.

 

Talvez possam mudar o seu foco, durante o ato sexual, para não alcançarem o clímax imediatamente. Divirtam-se e cheguem ao ponto imediatamente anterior ao clímax; depois, sustentem essa freqüência, retrocedam até um certo ponto e recomecem repetidas vezes. Passem algum tempo fazendo isso. Quando vocês honrarem o processo, passem horas fazendo isso, porque isso cria uma profunda intimidade e a experiência durará um tempo muito maior. O rejuvenescimento ou regeneração da força vital ocorre quando há horas e horas de intimidade, com os olhos abertos, e vocês aprendem a levar o corpo a fazer aquilo que desejam que façam.

 

Um orgasmo não é um evento local. Há pessoas que têm orgasmos quando lhes fazem cócegas nas orelhas ou nos pulsos. Vocês podem ter orgasmos ao sonharem. Podem ter orgasmos quando estão fora do corpo. O orgasmo é mal interpretado. Vocês acham que é um evento localizado na área genital. Não é. É um evento cósmico, que tem sido interpretado como sendo localizado, para que vocês não percebam o que ele é. É uma pulsação contínua de divindade – de prazer e de ligação com o pulsar da existência. Assim, ele pode ocorrer em qualquer lugar. Se estivessem realmente sintonizados com a própria sexualidade, comer alguma coisa deliciosa poderia fazer com que tivessem um orgasmo, se vocês fossem totalmente livres. O orgasmo é o auge do apreço pela divindade em todas as coisas.

 

Não há nada de errado com a masturbação. É uma boa prática, se aprenderem a honrar o próprio corpo e a retidão de estimular certos sentimentos dentro dele. Masturbem-se sem planejamento, sem sentir vergonha, e sem arrastar coisas desconhecidas para o próprio corpo através do pensamento. É complicado, como tudo. É uma forma de arte, mas não é para ser praticada unicamente como forma de liberação. Se estiverem empregando a masturbação para se livrarem de tensão, então precisam reconsiderar. Se vocês nunca se masturbaram, então como podem esperar fazer sexo com outra pessoa e esperar que ela conheça seu corpo, quando vocês mesmos não o conhecem?

 

Quando se sentem levados a expressar sua energia sexual, vocês podem dizer: “Uau, se me decidir a praticar a arte da masturbação, desta vez seria simplesmente porque desejo uma liberação. Quero diminuir a tensão.” Se isso é o que sentem, então digam a si mesmos: “Tudo bem. Como irei lidar com esse aumento de energia? Bem, mais do que usar meu antigo padrão de masturbação e liberação de energia e sentir-me bem por alguns momentos, acho que irei à procura do ouro e ficarei um pouco desconfortável. Reterei essa energia. Em vez de praticar a masturbação, vou me sentar em algum lugar e usar cristais, praticar técnicas de respiração e puxar para mim o pilar de luz.” Puxem a luz para o olho da mente e sintam-na fluir por todo o seu corpo.

 

Isso irá ajudá-los tremendamente, porque vocês querem alcançar o conhecimento e o autovalor e saber quais são os próprios limites. Vocês desejam um relaxamento maior e uma visão mais ampla; contudo estão constantemente levando a própria energia a certos níveis. Retendo as energias sexuais, vocês começarão a usar os chakras do plexo solar, do coração, da garganta e do terceiro olho. O seu chakra da coroa irá abrir-se e vocês dirão: “Aha! Estou ficando mais esperto. Como é que estou me tornando mais inteligente?” A resposta é: porque estão usando a própria força vital de várias maneiras, em vez de simplesmente usar uma única receita para ela. Vocês possuem uma receita para a energia que chamam de sexualidade. Essa é a sua força vital. Há muitas maneiras de usá-la.

 

Uma coisa é explorar a própria sensualidade e ter experiências orgásmicas por quererem se sentir bem e compreender a sexualidade, de modo a saberem quem são. Outra coisa é sentir “tesão” (para usar os termos de vocês), fazer crescer todo esse desejo sexual, masturbar-se simplesmente para liberar a tensão e chegar ao clímax. O sexo é uma oferta sagrada do corpo, algo privado e sensual. Ele ajuda vocês a compreenderem essa força interior que lhes traz prazer.

 

 

Retirado do livro TERRA – Chaves Pleiadianas para a Biblioteca Viva

Autora: Barbara Marciniak

SOBRE O AUTOR

Os Pleiadianos são um conjunto de extraterrestres do sistema estrelar das Plêiades. Eles vêm falando através de Bárbara Marciniak desde 18 de maio de 1988; dizem ter sido concebidos na Convergência Harmônica e nascidos em Atenas, na Grécia, nove meses depois. O conjunto Pleiadiano era originalmente composto por cerca de setenta e cinco a cem entidades. Agora freqüentemente referem-se a si mesmos como Pleiadianos Plus, indicando uma união de forças com outros extraterrestres. Os ensinamentos dos Pleiadianos podem ser relacionados ao xamanismo, a consciência corporal da antiguidade que serviu de intermediário entre o plano físico e o espiritual, levando as pessoas ao auto-descobrimento em mundos de paradoxo, mudança de paradigma e espiritualidade. Bárbara Marciniak, da Carolina do Norte, é conhecida internacionalmente como canal mediúnico. Ela começou a canalizar em maio de 1988, em Atenas, na Grécia, na conclusão de uma viagem de três semanas pelo Egito antigo e pela Grécia. Durante a viagem, Bárbara sentiu o impulso de vivenciar novamente, nesta encarnação, determinados templos e locais energéticos – a Grande Pirâmide de Gizé, os templos ao longo do Nilo, a Acrópole em Atenas e o oráculo de Delfos. Desde então, Bárbara tem conduzido aulas, sessões e workshops nos Estados Unidos e organizado viagens a locais energeticamente sagrados no Peru, México, Egito, Grécia, Bali e Austrália. Ela sente que estes lugares possuem conexões com os vórtices energéticos que contêm a sabedoria da mente superior, das idéias mais elevadas que a Terra, atualmente, está buscando recriar.

Bárbara considera sua experiência com os Pleiadianos uma dádiva de valor inestimável. Este trabalho deu-lhe a oportunidade para sua transformação pessoal, global e cósmica, por isso sua gratidão não tem limites. Para maiores informações sobre o cronograma dos cursos de Bárbara e suas fitas gravadas, favor enviar um envelope selado para: Bold Connections P.O. Box 6521 Raleigh, NC 27628 USA Para maiores informações sobre os roteiros e cronogramas das viagens de Bárbara aos locais sagrados do planeta, por favor, contatar: Power Places Tours 285 Boat Canyon Drive Laguna Beach, CA 92651 USA

A Dádiva dos Deuses – Parte 1

A Dádiva dos Deuses – Parte 3

 

3 respostas para “A Dádiva dos Deuses – Parte 2”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Home - Energetic Synthesis

Todas as últimas informações sobre Ascensão, além de mensagens canalizadas e outros textos relevantes.

Wake Up World

It's Time to Rise and Shine

How To Exit The Matrix

We are identifying the composition of the matrix and dissolving it!

The Jeshua Channelings

Todas as últimas informações sobre Ascensão, além de mensagens canalizadas e outros textos relevantes.

Jennifer Crokaert Ph.D.

Todas as últimas informações sobre Ascensão, além de mensagens canalizadas e outros textos relevantes.

BLOG RSS

Todas as últimas informações sobre Ascensão, além de mensagens canalizadas e outros textos relevantes.

Welcome to Brenda's Blog

Helping others access and implement new creative skills.

Mónica Esgueva

Todas as últimas informações sobre Ascensão, além de mensagens canalizadas e outros textos relevantes.

Nudez & Masturbação

Quebrando paradigmas, este site visa fazer luz sobre esses dois temas tão polêmicos, mas que constituem o grande segredo da longevidade, saúde e vida plena.

Caroline Oceana Ryan

Just another WordPress.com site

Nude and Happy

A Unique Art of Living

Frequency Writer

Todas as últimas informações sobre Ascensão, além de mensagens canalizadas e outros textos relevantes.

The Creator Writings

transcribed by Jennifer Farley, ThetaHealing Instructor/Practitioner

Zorra of Hollow Earth

Todas as últimas informações sobre Ascensão, além de mensagens canalizadas e outros textos relevantes.

Gavetas da Alma

Sobre as pequenas coisas e momentos que guardamos em nós.

Mensagens dos Anjos, os Sinais da Nova Era

O significado dos números repetidos 1111, 222, 333, 1515, 2323 e outras sequências de números

Despertando

Sobre espiritualidade, minhas experiências e estudos.

Confident Lovers

Todas as últimas informações sobre Ascensão, além de mensagens canalizadas e outros textos relevantes.

%d blogueiros gostam disto: